Banner do Blog

Pasta de abóbora da Ariana Lenti

Imagem do post

Pra que os preparativos do jantar sejam bem tranquilos pra Luciana, nem tudo precisa ser preparado em casa. Pra completar o passeio pelo oriente, o antepasto é a especialidade do dia que vem de fora.  A pasta de abóbora com tahine, masala doce e melaço de tâmaras tem uma combinação de sabores memorável.
Pasta de abóbora com tahine e especiarias da Ariana Lenti, do Dasturca é deliciosa

CONHEÇA O DASTURCA

A pasta pode ser servida como antepasto, com o pão árabe, ou como acompanhamento do prato principal.

A receita é da Ariana Lenti, chef do Dasturca, que mandou pra gente provar aqui no Estúdio. Quer fazer em casa? Aproveita que a Ariana deixou o passo a passo! 

Veja o cardápio completo que eu preparei pra Luciana Mello receber os amigos em um jantar especial.

Pasta de abóbora com tahine e especiarias da  Ariana Lenti

Rende 8 porções


1 kg de abóbora japonesa descascada e cortada em pedaços médios

1 colher (sopa) de açúcar mascavo

¼ de colher (chá) de canela em pó

¼ de colher (chá) de noz-moscada

4 dentes de alho inteiros com a casca

6 ramos de tomilho

⅓ de xícara (chá) de tahine (pasta de gergelim)

raspas e caldo de 1 limão-siciliano

1 colher (sopa) de massala

¼ de pimenta dedo-de-moça (sem semente)

1 colher (chá) de melado de tâmara (ou melado de cana) 

azeite a gosto

sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

flor de sal a gosto para servir

pistache tostado e quebrado a gosto para servir

  1. Preaqueça o forno a 200 ºC (temperatura média).
  2. Coloque a abóbora, os dentes de alho e os ramos de tomilho numa assadeira grande. Regue com ¼ de xícara (chá) de azeite e tempere com o açúcar, o sal, a canela e noz-moscada. Misture com as mãos para espalhar os temperos em todos os pedaços da abóbora.
  3. Leve a abóbora ao forno para assar por cerca de 20 minutos, até ficar bem macia — não precisa virar ou mexer. Enquanto isso, prepare a massala.
  4. Retire a abóbora do forno e deixe amornar antes de bater. 
  5. Dilua o tahine com um pouco de água filtrada (cerca de 1 colher [sopa] é suficiente).
  6. No processador de alimentos, coloque a abóbora assada e os dentes de alho (sem a casca). Junte o tahine, as raspas e o caldo de limão, a pimenta dedo-de-moça, 2 colheres (sopa) de azeite, a massala e tempere com sal e pimenta. Bata até triturar bem a abóbora e formar uma pasta lisa — pare de bater e raspe a lateral do processador com uma espátula quantas vezes forem necessárias para bater de maneira uniforme.
  7. Adicione o melado de tâmara e mais 1 colher (sopa) de azeite para deixar a pasta mais cremosa e bata novamente.
  8. Transfira a pasta de abóbora para um prato e finalize com azeite, melado de tâmara, flor de sal e pistache.

OBS: a pasta de abóbora pode ser feita com antecedência e armazenada na geladeira por até 5 dias.

PARA A MASSALA
5 cardamomos

1 pedaço pequeno de noz-moscada (cerca de ⅓ da bolinha)

6 pimentas-da-jamaica

½ colher (chá) de kummel

½ colher (chá) de cominho em grão

½ colher (chá) de coentro em grão

1 colher (chá) de mostarda em grão

1 anis-estrelado

1 pedaço de canela em rama

6 cravos-da-índia

1 grão de pimenta-do-reino

1 zimbro

  1. No pilão, bata as bagas de cardamomo, abra e retire as sementes.
  2. Numa frigideira pequena, coloque a canela, o anis-estrelado, a noz-moscada e a pimenta-da-jamaica — as especiarias vão ser tostadas em etapas, por ordem de tamanho. Leve ao fogo médio para tostar por 1 minuto.
  3. Mantenha a frigideira em fogo médio, adicione o coentro, o cominho, o kummel, o cardamomo, o zimbro, a pimenta-do-reino, o cravo e por último a mostarda. Mexa por alguns minutos, até as sementes liberarem o aroma e começarem a pipocar.
  4. Transfira as especiarias para o pilão e bata até triturar bem os ingredientes (se preferir, utilize o moedor elétrico de café).

OBS: a massala pode ser armazenada por até 6 meses em temperatura ambiente, num pote fechado.